Falta pouco tempo para o fim do Cadastro Ambiental Rural. Já fez o seu?

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) foi lançado nacionalmente em maio de 2014, com prazo de 12 meses para o cadastramento dos imóveis rurais e, às vésperas do encerramento do prazo inicial, o período para realizar a inscrição foi prorrogado por mais um ano. De acordo com as regras em vigor, os agricultores têm até maio de 2016 para fazer a inscrição obrigatória no CAR.

 

De acordo com o boletim mensal do Serviço Florestal Brasileiro, até outubro 245 milhões de hectares foram cadastrados no Brasil. No estado de São Paulo, cerca de 12 milhões de hectares já estão registrado no SICAR, o que área representa 72% da área que ainda precisa ser cadastrada. Por isso as autoridades pedem aos produtores não deixem para a última hora e regularizem o quanto antes a sua situação.

 

As inscrições no CAR devem ser feitas através do site www.car.gov.br. O proprietário rural pode pedir auxílio a entidades parceiras que atuam como multiplicadoras do CAR. Entre elas estão as secretarias estaduais da agricultura e do meio ambiente, prefeituras, cooperativas, e sindicatos rurais.

 

O cadastro, que é gratuito e obrigatório, permitirá a adesão ao Programa de Regularização Ambiental (PRA). O registro no CAR traz segurança jurídica ao produtor rural e outros benefícios, além de possibilitar o planejamento ambiental e econômico do uso e ocupação do imóvel rural. Os proprietários que não realizarem o cadastramento perderão benefícios previstos no Novo Código Florestal, como a suspensão de multas administrativas por corte irregular de vegetação no imóvel e a possibilidade de regularizar áreas de Reserva Legal. Além disso, poderão ser impedidos de conseguir linhas de crédito e financiamentos.

 

Os associados do SIRVARIG, que possuem até quatro módulos fiscais, podem fazer o cadastro no sindicato.  O atendimento é agendado pelo telefone (17) 3323-1433.

 

fonte:http://www.sirvarig.com.br/noticia/54/falta-pouco-tempo-para-o-fim-do-cadastro-ambiental-rural-ja-fez-o-seu

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *