benefícios de consumir mais proteína no café da manhã

Pesquisas mostram proteinagrafico

A professora de nutrição e fisiologia do exercício da Escola de Medicina da Universidade de Missouri, Heather Leidy, tem mostrado nos últimos anos os efeitos positivos de se consumir mais proteína no café da manhã. Comumente, as pessoas tendem a consumir proteína na ordem reversa, com menos no café da manhã, um pouco mais no almoço e a maioria no jantar. Pesquisas de Leidy e outros indicaram vários benefícios de se consumir a mesma quantidade de proteína, mas distribui-las melhor entre as três refeições, consumindo, por exemplo, cerca de 30 gramas de proteína em cada refeição.

Um dos projetos receites de Leidy estudou os efeitos de pular o café da manhã, comparado com tomar o café da manhã com uma quantidade tipicamente pequena de proteína, versus tomar o café da manhã com uma quantidade maior de proteína. O café da manhã mais rico em proteína continua 56,7 gramas de carne bovina magra, duas porções de ovos brancos e uma porção e meia de lácteos. Durante o período de 12 semanas do estudo com adolescentes que normalmente pulam o café da manhã, ela mediu o peso e a composição corpórea, o consumo diário de alimentos, e sensações percebidas de saciedade em várias vezes por dia.

Ela descobriu que os que pularam o café da manhã ganharam gordura corpórea e consumiram mais calorias por dia. Aqueles que comiam o café da manhã, mas com quantidades tipicamente pequenas de proteína, como leite com cereal, ficaram entre os dois grupos. Aqueles com café da manhã mais rico em proteína perderam gordura corpórea e reduziram sua ingestão diária de calorias.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *